Um hotel com camareira a meu dispor.


Tenho mais uma proposta de entrega depois que assumi uma postura mais exigente perante aos meus escravos, mesmo os com pouca experiência no BDSM e limitações financeiras. Vou relatar uma oferta irrecusável de um diálogo que tive e que nomeei esse escravo de Camareira Castelo. Ele leu meu post sobre a versão Senhora do Castelo 4.0 e elogiou o modo que eu desejo as entregas e viu que mora perto de mim, deseja me servir do modo que eu desejar porque gosta de se sentir útil, gosta de se sentir cuidando de alguém, por meio da servidão.... Trabalha em um negócio da família sem remuneração e não tem carro, mas oferece um quarto de seu Hotel para eu usar e fazer nossas sessões, ele é totalmente passivo. Fiz uma proposta de fazermos uma sessão com minha escrava sissy, porque ela paga todas as minhas despesas com a viagem. Recortei parte do nosso diálogo para dar maior veracidade do que relato agora. Eu início falando da Sissy para o escravo:
- Escravo, vou colocar minhas regras e minhas exigências para que tudo saia como eu desejo. Minha sissy tem pouca disponibilidade de tempo para visitar-me, dessa forma nosso encontro será durante a semana. Ou propor que ele venha me pegar e ele vai fazer o depósito para meu uso pessoal, cabeleireira, pés e mãos e o que eu precisar e você vai cobrir todas as despesas da hotelaria, incluindo alimentação e você será a camareira nesse dia. Entendeu?
– Sim Senhora, eu serei a camareira e depois eu ficarei dentro do quarto para atender as suas necessidades e o que me mandar. Uma das dificuldades que vou contornar é em relação ao pessoal do Hotel, afinal eu sou o dono juntamente com minha família e com certeza todos iriam ficar sabendo que eu vou atender uma pessoa muito ilustre e colocarei o melhor quarto para a Senhora e a sua sissy, mas isto não é problema, jamais diriam algo a Senhora e quanto a mim já está na hora de fazer o que quero quando quero, sem precisar ficar dando satisfação a eles, minha senhora, já estou ficando muito excitado com essa proposta minha Rainha.

- Escravo insolente, como ousa questionar o que determino? Está ficando excitado você disse? Pois é, não gosto nem um pouco de pau duro perto de mim, por isso já te comunico que vai usar um dos mais duros e dolorido castrador mecânico, ele é como um cinto de castidade, mas tem uma trava que penetra na uretra e jamais ficará demonstrando sua excitação. Respondendo a sua pergunta eu vou ver se dá para passar o final de semana aí e nem pense em retirar o castrador mecânico.
- Nossa, que bom seria isso. A minha Rainha pode usar o que desejar, como vibradores e strap-on para fazer o papel ativo. A minha Rainha precisa de outra pessoa para me comer? Ou não é este o problema? E se precisar de mais alguém eu não faço nenhuma objeção. O que a Rainha deseja?
- Eu desejo sua total submissão, sua lealdade, seu quarto completamente adequado para uma Rainha e vou fazer a cena com minha sissy, meu escravo de Minas. Quero alguém para fazer a cena comigo e usarei vc escravo. Imagina você me recebendo e levando nós dois ao quarto levando as malas, sendo minha camareira e com o pau preso...
- Ah certo Rainha, aceito sim e nem posso me dar ao luxo de discordar ne nada, como sou um reles serviçal, sem dinheiro necessário para satisfazer tudo que necessita e merece, como essa viagem... só posso agradecer e servi-la como dona, Rainha Suprema e gosto muito de poder fazer isto aqui no meu Hotel. Como disse, reservarei quando desejar o melhor quarto do Hotel caso esteja disposta vir Rainha a qualquer hora, somente reserve e nada pagará. Sofro por não poder fazer mais que isto, mas realmente gosto muito da idéia de ser escravizado pela Senhora, seria um dos meus maiores desejos a ser realizado, fazer o que deseja e adoro cena de inversão, se for viável, sendo usado pela maior inversora do Brasil, ainda mais sendo tratado como mulherzinha ou camareira como mandou. Tenho certeza que não irei lhe decepcionar de modo algum Rainha. Seu escravo Sissy poderá pagar para que ele e a Senhora possam vir até o meu Hotel, mas eu darei tudo de melhor quando estiverem aqui e para a sissy da mesma forma, áleas, estendo meus serviços para quem a senhora desejar e fazer.
– Escravo, eu já disse que ele banca todas as minhas despesas e você oferece toda a estadia de graça para nós, vou agendar a viagem então, se eu gostar ficaremos todo final de semana. Mais para frente combinaremos. Compreendeu o seu papel ser escravo?
– Sim, claro, essa oferta é permanente para a Senhora do Castelo, sempre e irei fazer todo o possível pra funcionar como deseja Rainha e já irei me preparando para isto, neste meio tempo vamos conversando e nos conhecendo, caso deseje, posso conversar com sua sissy pra que ela confie em mim tbm. Rainha aguardo seu retorno à noite, lhe envio mensagem assim que a Senhora ordenar novamente, espero que tudo aconteça a contento. Seu escravo camareira de Hotel.

Por Senhora do Castelo 4.0.

Nenhum comentário:

Postar um comentário